domingo, 26 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

BDSM E INICIANTES

“...o BDSM é um universo único, com seus fetichismos, toda sua magia contida em seus jogos, suas teorias, filosofias, liturgias. A entrega de uma submisso ao seu Senhor é algo maravilhoso, pois desperta nosso prazer e alma BDSMer que faz com que nos sintamos mais completos.


Porém, ninguém nasceu sabendo BDSM, todos tivemos que aprender, desenvolver e deixar a alma BDSMer tomar forma. Todos um dia foram iniciantes, inclusive os Dinos...”.

Para saber mais, leia:





ASFIXIA ERÓTICA

Para quem pratica asfixia erótica...

Alguns a fazem com as mãos, outros preferem o cinto ao redor do pescoço. Há os que preferem usar máscaras de gás, saco plástico e até brincar de enforcamento. Existe uma enorme carga erótica em torno da asfixia. Celebridades, como David Carradine e Michael Hutchence (vocalista do INXS) faleceram por conta disso.

Veja mais:


BDSM FILMES E SÉRIES

Vamos relembrar de filmes, que de alguma maneira abordaram sobre BDSM, nem que tenha sido de forma subliminar?
Eu começo com  "O Porteiro da Noite";  "Atrás da Porta Verde" (Behind the Green Door) ; "Lolita" e  "Tóquio em Decadência".


http://www.seriesonlinex.com/?s=submission







BDSM E VOCÊ

Sabe - se que BDSM é o acrônimo constituído de quatro letras que significam B (bondage), D (dominação ou disciplina), S (submissão ou sadismo) e M (masoquismo).

Baseando - se nessa definição acadêmica e bastante conhecida, o praticante pode buscar, escolher e viver diferentes tipos de relações, fantasias, descobrir novos papéis sexuais, valores, parceiros, tudo em nome do prazer considerado, na visão de muitos, doente, depravado, obscuro, pecaminoso e sujo.
Informação é conhecimento. 

Conhecimento é poder. Para saber mais, leia:

AGE PLAY PRÁTICA

Age play é um jogo entre adultos que consiste em interpretação de idade escolhida pelos participantes, que pode ser alguém interpretando desde um bebê ao idoso.  O age play pode ser pouco sexual, muito sexual ou não sexual.

O age play é usado para ajudar na submissão, para que o domínio do dominante sobre a submissa fique mais confortável . Variações sexuais podem incluir, entre outras brincadeiras de incesto, em que os indivíduos recriam e sexualizam papéis dentro de uma família, o fetichismo menina do papai (menino da mamãe), em que as diferenças de idade reais ou imaginárias são a base da interpretação e do feminino é retratado como o parceiro mais jovem.

 Para saber mais, leia: